Semelhante ao poço convencional, um poço artesiano é assim denominado quando as águas fluem naturalmente do solo, num aquífero confinado, sem a necessidade de bombeamento. Como a água se acumula, porque não pode escapar para a área circundante, ela é “pressurizada”. Essa pressão faz com que a água no poço suba até um ponto onde o equilíbrio hidrostático foi atingido. Se a pressão for forte o suficiente, a água pode até atingir a superfície. Neste caso, é referido como um poço artesiano fluente. 

Os poços artesianos receberam o nome da cidade de Artois, na França, que era a antiga cidade romana de Artesium. Durante a Idade Média, a região ao redor do Artesium era onde os poços fluentes mais conhecidos eram perfurados. O nível em que a água sobe em poços fortemente encaixados perfurados em aquíferos artesianos é chamado de superfície potenciométrica.

01/06/2018